Páginas

sábado, 9 de setembro de 2017

EM PACAJÁ, FUNCIONÁRIO PÚBLICO É PRESO POR MANDAR MATAR O PRÓPRIO PAI

Nelito Alves da Costa, de 51 anos, foi condenado pelo crime de homicídio qualificado

Em cumprimento a mandado de prisão preventiva decretado pela Justiça, a Polícia Civil prendeu o funcionário público municipal Nelito Alves da Costa, de 51 anos, no município de Pacajá, no sudeste paraense. O homem foi condenado pelo crime de homicídio qualificado, por ser o mandante do assassinato do próprio pai em Itupiranga, também no sudeste do Pará. A ordem de prisão preventiva foi expedida pela juíza Alessandra Souza, substituta da Comarca de Itupiranga. O acusado foi preso na última quarta-feira (6), no bairro Alto Bonito. As informações foram divulgadas nesta sexta-feira (8).

A prisão foi coordenada pelo delegado Sandro Rivelino, superintendente da Polícia Civil na região do Lago de Tucuruí, e contou com os investigadores Acácio Fonseca e Belém, e escrivão Cláudio. O preso já está recolhido à disposição da Comarca de Itupiranga para responder pelo crime. Nelito Costa trabalhava na Prefeitura de Pacajá.
Por: Portal ORM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o site Talento Noticias não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!