Páginas

terça-feira, 2 de junho de 2015

Depressão faz outra vítima: universitária comete suicídio em Itaituba

Suicídio em Campo Verde, Itaituba
Uma universitária de 29 anos, residente no município de Itaituba, cometeu suicídio na manhã de ontem (1º) ingerindo veneno dentro de sua própria casa. Em carta à família, a jovem relatou que sofria de depressão.
No mês passado (dia 24), na cidade Óbidos, uma odontóloga de 28 anos também pôs fim à vida, enforcando-se, devido ao mesmo problema.
Gisele Pereira da Silva (foto) morava no distrito de Campo Verde, a 30 km de Itaituba.
Ela fazia o primeiro período do curso de Letras na FAI (Faculdade de Itaituba).
Antes de tomar “chumbinho”, veneno usado para matar ratos, Gisele escreveu uma carta à família na qual pedia perdão pelo seu ato, e relatou que sofria de depressão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o site Talento Noticias não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!